Santa Águeda (ou Santa Ágata)

Santa_AgataDia 05 de fevereiro

História: Santa Águeda ficou conhecida tanto pelo seu nome verdadeiro Águeda, como por Ágata. Não se tem conhecimento das datas de seu nascimento ou morte, acredita-se que ela viveu durante o século III, na Sicília e foi martirizada durante a perseguição aos cristãos durante o império de Décio, por volta de 251, sendo seu suplicio um dos mais cruéis da época contra cristãos.

Segundo a tradição Santa Águeda foi entregue a uma mulher de má conduta para desviá-la de Deus. Como mantivesse a firmeza da fé, foi submetida a cruéis torturas: desconjuntamento dos ossos, dilaceramento dos seios. Foi arrastada por sobre cacos de vidros e carvões em brasa.

Santa Águeda não gritou, não chorou e rezou durante todo o tempo do martírio em devoção a São Pedro Apóstolo, até que os soldados, em um gesto extremado, mutilaram seus seios, arrancando-os. Em muitas representações de sua imagem aparece carregando os próprios seios em uma bandeja.

Santa Águeda é uma das santas mais populares da Itália, apenas Roma chegou a ter 12 igrejas dedicadas a ela.

Oração: Concedei-nos, Senhor, o amor constante ao Vosso Santo Nome e a graça da perseverança nas coisas do alto durante toda a nossa vida. E pela intercessão de Santa Águeda, dai-nos, Senhor Onipotente, a graça que humildemente vos pedimos (citar a graça). Por Cristo Senhor Nosso, amém. Santa Águeda, rogai por nós.

Devoção: A Nosso Senhor Jesus Cristo na mais fiel castidade de corpo e alma

Padroeiro: Queimaduras, seios e mamas. Dos problemas nos seios e dos temores

Outros Santos: Pedro, Martinho da Ascensão, OFM; Gonçalo Garcia; Isidoro (márts) Avilto, Ingenuino; Albuíno (bispo); Agripino, Agrícola (conf); Adelaide (abadessa); Felícia (criança mártir).

CategoriasSem categoria