Santas Perpétua e Felicidade

santas_perpetua_felicidadeDia 07 de Março

História: Os registros do martírio dessas duas santas são um dos documentos mais emocionantes o cristianismo. Perpétua, cujo primeiro nome era Víbia, vinha de família nobre e rica. Tinha 22 anos, acabara de dar a luz ao seu primeiro filho e já ficara viúva. Felicidade, ao contrário, era uma escrava, grávida de oito meses. Embora as diferenças de estatus, ambas se preparavam juntas para o batismo no catecumenato quando foram presas junto a outros: a Sáturo, diácono e mestre, Saturninus, Secundulus e Revocatus.

Lançados na prisão, esperando o processo, o choque foi brutal para Perpétua que sempre vivera no luxo. Puseram-nos em uma grande escuridão, passando dias terríveis pela estreiteza do local e profunda preocupação com seu filhinho. Dois diáconos conseguiram um melhor tratamento para eles, mediante dinheiro: foram levados ao andar superior que era mais amplo e permitiram que Perpétua ficasse com o seu filhinho.

Estava bastante frágil a criança e ela lhe dava o peito. Mas continuava preocupada com os pais e se consumia vendo o sofrimento deles porque amavam-na muito. Após poucos dias do nascimento do filho de Felicidade, (dois dias antes do sacrifício) iniciou-se o interrogatório. Todos professaram sua fé e foram lançados às feras. Morrendo despedaçados por leopardos, ursos e javalis. Apenas Perpétua e Felicidade foram derrubadas por uma vaca e degoladas pelos soldados. Há um livro denominado “O Martírio de Perpétua e Felicidade” tão famoso que era lido durante as liturgias.

Oração: Santas Perpétua e Felicidade que tanto sofreram por não desejar jamais renegar sua fé em Jesus Cristo, Nosso Senhor, que passastes por tantos momentos de aflição e tivestes uma morte desumana junto a outros mártires da fé, concedei-nos essa fidelidade diante dos pagãos que não aceitam a Jesus como Salvador, se um dia tivermos que estar diante desses homens inconsciente. Dai-nos sempre e lembrar de que esta vida não é absolutamente nada diante do que nos espera: o eterno céu tão cheio de paz. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.

Devoção: À palavra de Deus em total fidelidade ao cristianismo

Padroeiro: Das senhoras casadas

Outros Santos: Sáturo, Revocato, Saturnino, Julitão e Êubulo (mártires); teofilato, Gaudioso, Paulo (bispo); Paulo o Simples , Tereza Margarida do Sagrado Coração (virgem).

CategoriasSem categoria