São Eduardo

Dia 13 de outubro

História: Filho do rei Etelfredo II e neto do rei também santo, “Eduardo o mártir”, São Eduardo III tornou-se também rei da Inglaterra.

Dedico a invasão armada dos dinamarqueses, seus pais tiveram que fugir da Inglaterra e refugiar-se nos castelos da Normandia: São Eduardo tinha, nessa época, 10 anos de idade e ali viveu até seus 31 anos.

Após os dinamarqueses serem expulsos da Inglaterra, então retornou à Pátria onde foi solenemente coroado como rei, até a sua morte. Seu espírito cheio de mansidão e generosidade, extremamente polido, jamais mostrou um só gesto de ira nem para com seus súditos.

Editou leis que passaram para história como “as leis de Santo Eduardo”. Ao subir no trono, foi obrigado a casar-se. Sua esposa se chamava Edite Godwin, filha de um Barão que se he mostrava favorável mas depois revelou-se como grande opositor, pois, dando sua filha em casamento planejava tirar vantagens do reinado da Inglaterra.

Mas o casal tornou-se profundamente amigos, oravam juntos e não tiveram filhos pois, de comum acordo, conservaram-se em perfeita castidade. Conhecido como “administrador justo e generoso” e “o bom rei” São Eduardo soube utilizar- se de sua fortuna não apenas para regalias mas muito mais, melhorar as condições de vida de seu povo, principalmente dos mais humildes.

Restaurou a Abadia de Westminster sem jamais empregar a força e sim em concessões pacíficas, dizendo; “Não desejo obter um reino a custa de sangue humano”. Em vida, fez vários milagres e sua festa é celebrada hoje e não na data de sua morte, pois passaram a comemorá-la no dia do traslado de seu corpo e que ocorreu neste dia, para a igreja de São Tomás de Canterbury, venerado por sua piedade e intenso espírito de caridade.

Oração de São Eduardo: Bendito sejais Deus, que concedestes ao rei Eduardo da Inglaterra a graça da santidade. Dai também a nós, o espírito de tranqüilidade e amor por vós. Concedei-nos hoje e sempre a firmeza da fé. Santo Eduardo, rogai por nós.

Devoção: Caridade, piedade, generosidade

Padroeiro: Dos governantes

Outros Santos do dia: Outros santos do dia: Fauto, Januário, Marçal, Florência, Colmano (márts); Teófilo, Rômulo, Imperto e Bertoaldo (bispo); Celedônia (virgem); Canfo, Geraldo, Leobon (er); Daniel, Ângelo, Samuel e Comps (márts de Ceuta).