São Paulo da Cruz

Dia 19 de outubro

História: Nascido no norte da Itália, região de Gênova (Piemont).

Após ouvir um sermão sobre a paixão e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo aos 19 anos de idade, adotou o nome de Paulo da Cruz e alistou-se imediatamente como voluntário do exército que os venezianos montavam contra os turcos: mas percebendo que aquela expedição somente visava interesses materiais, retirou-se.

A partir daí começou também a pregar a devoção aos sofrimentos de Nosso Senhor em Sua Paixão e Morte.

Após ser ordenado sacerdote aos 26 anos – recebeu o hábito preto de penitente com os sinais da Paixão de Cristo: um coração com uma Cruz em cima, três pregos e o monograma de Cristo.

Convenceu o irmão a juntar-se a ele nesta missão e empunhando uma cruz de madeira em suas missões, granjeou discípulos – dentre os quais o mais ilustre foi São Vicente Maria Strambi – e fundou a Congregação dos Padres Passionistas, cujos membros se obrigam, por um voto especial, a pregar por toda a parte sobre a Paixão de Jesus Cristo.

Fez uma Regra bastante rígida e teve que mitigá-la um pouco para obter a aprovação eclesiástica. Faleceu após mais de 40 anos de contínua pregação. Seu nome de batismo era Paulo Francisco Danei.

Oração de São Paulo da Cruz: Glorioso e Eterno Deus, que conferistes a São Paulo da Cruz a graça das grandes iniciativas cristãs, fazendo-o fundador dos Padres Passionistas, concedei-nos a graça de sermos sempre diligentes e fiéis para as coisas de Deus. São Paulo da Cruz, rogai por nós.

Devoção: A Cruz, revivendo a Paixão e Morte de Nosso Senhor Jesus Cristo

Padroeiro: Do Brasil

Outros santos do dia: João de Brébeuf, Isaque Iogues, Renato e Camps. (márts. Jés. Canadenses); Paulo da Cruz (presb); Pelágia (virgem); Verônica, Ptolomeu, Lúcio, Varo (mátrs); Etbino, Equilino, Verano e Zézimo (bispo); Fredesvinda (ab).