São Roberto Belarmino

Dia 17 de setembro

História: São Roberto Belarmino passou alguns anos em Louvain, na Bélgica, inicialmente como aluno e depois como professor, e desempenhou cargos de importância na Companhia de Jesus, ingressando aos 18 anos de idade.

Brilhante Intelectual, refutou contra os erros do protestantismo nas suas “Controvérsias”. Redigiu um catecismo popular que teve muita divulgação durante séculos e destacou-se como exegeta com magníficos e eruditos comentários aos Salmos.

Seu texto que talvez hoje tenha maior eco entre estudiosos de todas as tendências, mesmo os não-cristãos, é ‘A arte de bem morrer’, que fala da aceitação da morte como parte integrante do processo da vida, e da necessidade de se encontrar a transição com serenidade, desapego e confiança.

Apontou destemidamente os erros de Jaime I, rei da Inglaterra. Foi diretor espiritual de são Luís Gonzaga, assistindo-o nos seus últimos momentos.

Nomeado cardeal e bispo de Cápua, entregou-se com zelo ao cumprimento dos deveres episcopais, sendo modelo de prelado e pastor de almas, conselheiro de vários Papas aos quais, com coragem e evangélica franqueza, não hesitava em censurar respeitosamente, quando julgava necessário e esteve ele próprio muito próximo de ser eleito Papa.

Oração de São Roberto Belarmino: Ó Deus, nosso Pai, a exemplo de São Roberto Belarmino, fazei-nos amar a vossa Palavra. Em nossas dificuldades, nos momentos desesperançosos de nossa vida, saibamos em Vós buscar alento, força, inspiração e luz para nossos passos. Amém. São Roberto Belarmino, rogai por nós.

Devoção: Pastoreio das almas

Padroeiro: Dos conselheiros

Outros santos do dia: (bispo e dr) Pedro, Lamberto (bispo); Justino (presb.); Columba (Virgem); Flocelo, Ariadna, Agtáclia, Narciso, Crescencião, Sócrates, Estevão, Valeriano, Macrino, Gordiano(Márts.); Sátiro (cf); Teodora, Hildegarda (Virgens).